DICAS: Viajar a dois

Viajar a dois nem sempre é um mar de rosas, especialmente se as pessoas tiverem personalidades diferentes.

Nós já tivemos que lidar com pessoas que viajaram connosco e que não partilhavam o mesmo gosto ou entusiasmo pelo turismo, pelos locais a visitar ou mesmo por viajar. Há sinais que se ignoram porque gostamos demasiado da pessoa e decidimos ir na mesma, acabando depois por ser complicado contornar quando se está outro país ou cidade!

Felizmente, estamos as duas “no mesmo barco” e temos gostos muitos semelhantes! Ainda não discordamos sobre nada no que diz respeito a viagens. Somos umas sortudas!

No entanto, sabemos que nem toda a gente o é e para evitar que te aconteça, deixamos três pequenas dicas para uma excelente viagem a dois:

  • Antes de reservar falem sobre o destino

Pode parecer uma coisa pequenina, mas evita muitos problemas! No nosso caso, normalmente vemos uns vídeos, fotografias e lemos artigos sobre a potencial cidade/país a visitar para ver se realmente é algo que gostaríamos de fazer. No meio disto tudo, já estamos a passar gradualmente para a segunda dica.

  • Pontos de interesse a visitar

Se uma pessoa quer passar o dia na piscina e a outra quer passar o dia a passear, temos aqui um problema. É importante que as duas pessoas falem bem sobre os seus gostos e aquilo que estão dispostos a fazer/visitar para encontrar o meio termo. Na nossa relação, termos gostos semelhantes ajuda, mas já presenciamos situações em que inclusive ajudamos o casal a perceber o seu meio termo para viajar em conjunto. Tem sempre que haver cedência de ambas as partes em certos aspetos.

  • Rotina diária

Parece mentira, mas para casais que ainda não vivam juntos, passar umas noites num hotel (em certos casos é uma semana ou mais) pode levar a desentendimentos no casal. Ou porque a rotina é diferente da nossa, ou porque achamos que a outra pessoa faz alguma coisa de forma errada, ou por qualquer outra razão que decidimos inventar como regra na nossa cabeça. Há que entender uma verdade fulcral: somos todos diferentes e crescemos todos em ambientes diferentes, logo, temos rotinas diferentes. E não, não é preciso descreverem a vossa rotina antes de viajarem. Simplesmente vão com a mente aberta para o que podem encontrar.

Três simples passos que levam a uma viagem mais feliz!

Tens mais alguma dica para partilhar connosco? Deixa um comentário 🙂

Deixe uma resposta