LONDRES: Quanto gastamos?

Londres é das capitais europeias mais conhecidas para se fazer uma escapadinha de fim-de-semana. Não é das mais baratas, mas neste post vamos mostrar-te quanto gastamos para que não te assustes e (talvez) até te surpreendas.

Há que começar por dizer quando reservamos a viagem, porque há determinados destinos em que esta parte conta muito. Sendo Londres uma das capitais europeias com mais voos low cost a operar para lá, é natural pensar que se vai e volta por 20€. Desengane-se quem assim pensa, porque mesmo tendo muitos voos diários, Londres é uma cidade de muitos negócios, o que também significa que o preço médio dos voos é mais alto.

Não quero com isto dizer que é impossível ir e vir por 20€ porque não é. Só não acontece com a frequência que achamos que acontece.

Pacote base

Os nossos voos foram comprados a um preço razoável tendo em conta que reservamos a viagem com menos de dois meses de antecedência. Custaram 122€ com EasyJet, do Porto para Luton, com mala de mão. Na altura, optamos por viajar com EasyJet por causa dos horários de voos, por nos serem mais convenientes.

Com voos reservados, passamos para a reserva de alojamento. Aqui a procura foi um pouco mais complicada, porque tínhamos definido que o pacote não podíamos exceder os 200€ para uma acomodação que (preferencialmente) tivesse pequeno-almoço. Acabamos por reservar um hotel de 3*, perto da zona de Baker Street: o Americana Hotel. A reserva era para um quarto standard com pequeno-almoço e custou, para 3 noites, 190€. Um quarto de hotel a sensivelmente 65€ por noite já com pequeno-almoço incluído não é fácil de encontrar quando estamos a menos de dois meses da viagem. Apesar de sermos adeptas de viagens de baixo custo, nenhuma de nós gosta de prescindir do mínimo conforto: hotel minimamente bem situado, próximo de transportes públicos com casa de banho privada.

Como também não gostamos de viajar sem seguro de viagem, pagamos mais 7€ por um seguro básico para as duas e ainda mais 20€ para guardar o nosso carro no aeroporto do Porto.

Atividades

O principal intuito desta viagem era visitar os Estúdios do Harry Potter, saga pela qual somos super aficionadas. Quisemos reservar o pacote que incluía audioguia e um livro de souvenir. Quando íamos fazer o pagamento fomos surpresas com algo que não contávamos: ou íamos para a fila a bilheteira para levantar os bilhetes sem custos ou tínhamos que pagar os portes para estes nos serem enviados para Portugal e, assim, evitar a fila da bilheteira. Achamos melhor pedir o envio para Portugal, o que nos custou mais 7£. Contas feitas, com câmbio incluído, os bilhetes custaram cerca de 120€ para as duas. Esta foi a compra mais alta a nível de atividades.

estudios harry potter

Para além dos estúdios, compramos também com antecedência os bilhetes para o London Eye (57€) e para o Churchill War Rooms (43€).

Já em Londres

Em Londres, tentamos também poupar ao máximo sem ainda assim prescindir das coisas que mais gostamos e precisamos. Uma delas foi fazer um jantar num restaurante, que foi também onde festejamos o nosso aniversário de namoro. Neste jantar gastamos 36€ para entrada, bebidas e prato principal.

Fora isso, as nossas refeições foram feitas no hotel (maioritariamente jantar) e on the go, com coisas mais rápidas e práticas. A nossa primeira refeição foi um lanche nos Estúdios assim que chegamos (por volta das 15h) e só aí gastamos cerca de 15€ por duas sanduíches e duas águas. É natural que neste tipo de atrações gastemos mais por menos qualidade/quantidade.

O almoço do dia seguinte foi no McDonalds, onde gastamos mais ou menos 11€ por um menu vegetariano e um happy meal. O nosso jantar em duas das noites foi pizza da Domino’s (a pizzaria preferida da Marisa). Um deles com uma pizza média e duas bebidas, o outro com duas pizzas pequenas, uma bebida e uma dose de batatas. No total dos dois jantares gastamos 28€.

Outro dos nossos almoços foi num restaurante mexicano em Camden Town onde gastamos 15€ por dois burritos, uma dose de nachos com guacamole e duas bebidas.

Pelo meio, e uma das experiências que a Luciana queria tentar ter, era beber o famoso “chá das 5”. Encontramos uma cafetaria próxima de Piccadilly Circus e bebemos um chá (um para duas chega perfeitamente) e comemos um pequeno snack por cerca de 4€.

Todos os dias bebíamos pelo menos um café americano, fosse no Costa, na Starbucks ou num café local. Cada um custava, em média, 1,70£ e cada uma de nós bebeu 3, perfazendo um total de 10,20£ em café (cerca de 12€).

Como já mencionamos neste artigo sobre como poupar em viagem, temos por hábito levar alguns snacks para evitar comprar e gastar por lá dinheiro desnecessário. Esses snacks foram suficientes para nos permitirem poupar cerca de 5€ por dia em lanches durante a tarde. O facto de o hotel reservado já incluir pequeno-almoço também nos poupou uns euros face ao que poderíamos ter gasto se tivéssemos que tomar o pequeno-almoço fora todos os dias. O único pequeno-almoço a que não tivemos direito foi o do último dia, já que o nosso voo era cedo e não nos conseguiam preparar um pequeno-almoço para levar. Tomamos o nosso pequeno-almoço no aeroporto, com as libras que sobravam do que tínhamos trocado. Foi das refeições mais caras que fizemos tendo em conta a quantidade: dois croissants e dois cappuccinos por 10€.

As despesas extra tiveram que ver com a compra de souvenirs (se tiveres dúvidas sobre o que dar a familiares e amigos, podes ler as nossas dicas aqui). A Marisa já tinha ido, por isso apenas comprou uma caixa de Bertie Botts Every Flavour Beans (11€) nos Estúdios do Harry Potter. A Luciana comprou 10 postais, uma caixa com chá típico, uma sweat de Stranger Things, 5 ímans e uma caixa de Chocolat Frog nos Estúdios também num total de 30€.

Contas finais:

Voo: 122€
Hotel: 190€:
Seguro de viagem: 7€
Parque de estacionamento no aeroporto do Porto: 20€
Transportes públicos (incluíndo Oyster Card): 30€
Entradas nos Estúdios do Harry Potter: 120€
London Eye: 47€
Churchill War Rooms: 43€
Comida e bebidas: 131€
Souvenirs Marisa: 11€
Souvenirs Luciana: 30€
*Valores aproximados tendo em conta taxa de câmbio em vigor na altura da viagem

Total: 751€ para duas pessoas

750€ em 4 dias considerando que mais de 200€ foram para atrações, e pouco mais de 300€ para o pacote base (voo, hotel e seguro) não nos parece nada mal 🙂

É possível gastar menos?

Claro que sim! Tudo vai depender dos gastos lá, do preço do voos na altura da reserva e da acomodação que se reserva. Se ficares num hostel ou pousada, o custo do alojamento baixa drasticamente. Alternativamente, há também AirBnb’s a baixo custo para grupos que queiram um apartamento para todos ou pessoas individuais que não se importem de reservar só o quarto. Há também experiências de que nem todos gostam ou não são tão essenciais, como a parte de fazer pelo menos uma refeição num bom restaurante ou mesmo a visita a atrações.

Precisas de mais dicas? Manda-nos uma mensagem 🙂

Deixe uma resposta